Exposição propõe uma reflexão sobre a casa e o morar

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Inaugurado em 1963, o Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC USP) ganhou em 2012 uma nova sede, em frente ao Parque Ibirapuera, no complexo arquitetônico criado por Oscar Niemeyer na década de 1950. Referência em arte moderna e contemporânea, brasileira e internacional, o MAC possui um acervo de cerca de 10 mil obras, entre pinturas, gravuras, peças tridimensionais, fotografias, objetos e instalações.

Para quem quiser visitar o MAC nas férias ou aproveitar um passeio no Ibirapuera para conhecer o espaço, a dica é passear pela mostra “A Casa”. Aberta ao público até 30 de dezembro, a exposição tem entrada gratuita e é inspirada no poema de mesmo nome escrito por Vinícius de Morais e musicado por Toquinho. Composta de 18 obras, assinadas pelos artistas Alexander Calder, Leda Catunda, Alex Flemming, Iran do Espírito Santo, Cildo Meireles, Nina Moraes, Alex Vallauri, Flávio Cerqueira, Barrão, Regina Silveira, Maria Tomaselli, Camille Kachani, Ângelo Venosa, José Carratu e Ana Teixeira, a exposição questiona as formas e os materiais usados na construção artística e propõe uma reflexão entre os limites entre arte e design, levando o público a pensar sobre a utilidade (ou não) de determinados objetos domésticos e o status da arte na atualidade.

O MAC USP Ibirapuera fica na Av. Pedro Álvares Cabral, 1.301, e funciona de terça a domingo, das 10 às 18 horas.

Fotos: Divulgação e Creative Commons

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *